Seguidores

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Amigo de Pinga




Nessa estrada de amizade tenho encontrado lamentos de pessoas, sobre as decepções vividas com seus amigos. Nesses relatos um copo de mágoa diluidos em dez, vinte ou trinta anos confiáveis de amizade.
Relataram que viveram tantas alegrias nos bares, tantas lágrimas de estórias lembradas; a companhia de volta pra casa, após uma noite dançada no suor da diversão.
Hoje ou há algum tempo, perceberam, depois de um momento difícil que a franqueza exigiu; terem sido abandonados ou não amparados por seus amigos.
Sairam de sintonia.
Não perceberam que eram "amigos de pinga". Ou eles eram também? Notório então, que um fazia as regalias . Pagava a conta por que tinha mais dinheiro, possuia carro e o outro não... Generosidade ou pagava por companhia? Não deixava de ser uma troca, relatavam numa angústia sofrida ,mas, sentiam-se palhaços!
A vida os havia separado por mágoa. Uma sensação de terem sido enganados com falsidade, traidos. Uma frustração de terem acreditado que eram amigos de verdade, mas eram "amigos de pinga". Assim disseram.

Deixo aqui esse espaço aberto para relatarem alguma decepção com amigos, uma situação mal resolvida. Sinta-se livre no comentário, alguma estória que o incomodou e não pode falar com ninguém. Colocarei o seu desabafo respeitando a sua identidade:

"Pois é,quem não teve um amigo de pinga?Achei que tinha uma amiga (12 anos de amizade),porém veio a decepção,eu era sua amiga,mas ela não a minha,me considerava apenas amiga de baladas,sofri,porém cheguei a conclusão que não devemos exigir do outro aquilo que não tem para nos ofertar."
Edilis
15 de Dezembro de 2008 06:36

Um comentário:

edilismaira disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.