Seguidores

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Ponto e Vírgula Salada de Amor

Gosto de amar assim
De camisola de cetim
Sentir o sabor doce da manga
Ser bordada de pitanga
Amar assim rasgando cetim
Em beijos de morango e chantili
O geladinho do sorvete de graviola
O arrepio da amora que me namora
Cor de vinho que te mancha em mim
Gosto do sabor da sua boca a fim
De me beijar longamente numa nuvem
De algodão doce que me desmancha
No mel do seu corpo quente
Meu petit gattô de creme
No chão a camisola de cetim descansa
Os lençóis assistindo nossa dança
Na cama ponto e vírgula a sorrir
Gosto de amar assim...
Misturada aos teus sabores
Salada de carinho e amores
Saboreada na noite sem fim.

Elaine Barnes

foto Juliana bastos (olhares)

28 comentários:

(Carlos Soares) disse...

Que amor doce é esse,gente? Saboroso poema.beijos

Everson Russo disse...

Que delicia de amor, de fazer amor, de saborear o amor, perfeito,,,beijos querida e uma linda semana pra ti...

Sandra Botelho disse...

Que lindo amiga...
Que jeito doce de fazer amor.
Lindo adorei. Bjos!

José disse...

Olá amiga Eliane
Em primeiro lugar, quero agradecer
o bonito comentário no meu blog,

quem ama um amor assim
sem sem conta nem medida
com beijos doces de chantili
vai ser feliz até ao fim
e gozando o melhor da vida.

um beijinho, José

Gilson disse...

Elaine

Bacana esse amor salada de fruta...rs.r.s..

Gostei muito, o nosso amor bem feito é sim gostoso como uma salada de fruta onde os gostos e os aromas se misturam fazendo-nos um só.

Abs

Lidia Ferreira disse...

Simples e lindo e saboroso da água na boca rsrs Linda eu sempre comernto com a Ines que eu vc e ela temos sorte por ter filhos maravilhosos , quero tb te pedir desculpas , meu texto tinha tantos erros que não sei como vc conseguiu ler rsrs E que era tarde quando eu escrevi pois eu queria postar nos dia das crianças ,mas agora ja revisei
Ps o blog da sua filha e lindo , pena que na nossa época não tinha internet ne rsrs
bjs

Majoli disse...

Ah eu quero um amor assim pra mim
Recheado de chantili...uauuuuuuu

Ficou lindo por demais amiga querida.
PARABÉNS!!!

Ameiiiiiiiiiii.

Beijos nesse coração poeta que tu tens.

João Videira Santos disse...

Escrever sobre o amor em tantas e apetitosas iguarias é, seguramente, senti-lo de forma diferente. Gostei.

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

O amor e sua forma de degustar a vida e o mundo.

Beijo grande, menina linda.

Rebeca


-

Clecilene Carvalho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Clecilene Carvalho disse...

Realmente o amor é e deveria ser assim: doce, macio como o cetim, marcante como um bom vinho, enfim uma salada de amor. Desta forma cada um acrescenta os seus ingredientes preferidos!
Parabéns!

Cadinho RoCo disse...

Delícia estar nesse pomar de tanto amor.
Cadinho RoCo

Marcone França disse...

Linda esta visão do amor, do amar.

Obrigado pela visita, será sempre bem vinda.

Abraço!

A Magia da Noite disse...

amar será sempre o deguste dos sentidos, dos prazeres, sabor divino que entre pedaços de pele se devora.

Everson Russo disse...

Minha querida amiga, agradeço de coraçaõ sua amizade, suas visitas diarias e suas palavras de carinho deixadas no Livro, existem coisas na vida que jamais terão preço, e essas são elas...sinceridade e respeito...beijos na alma e um belo dia pra ti...

Alexandre da Fonseca disse...

BOM DIA!! GOSTEI DO SEU BLOG, SUCESSO E MUITA PAZ...BJS

Lolla...doida varrida! disse...

esse texto foi vc quem escreveu? se foi parabeeeennsss, muito lindo.
bjusss

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Deixei um mimo para você no meu blog.

Cadinho RoCo disse...

Já de volta.
Cadinho RoCo

Anita "Menina-Flor" disse...

Ai que gostosura amiga, hoje mesmo tomei suco de graviola rs, adoro. Delicioso seu poema.

Bjokas.

Anita "Menina-Flor" disse...

Quanto as imagens do seu blog infantil, faz igual aqui, coloca antes dos textos. Fiquei curiosa, mostra pra mim qualquer dia tá, talvez possa te ajudar mais.

Bjs

SAULO PRADO disse...

Com gosto de fruta mordida
A salada vive da saliva
de dois amantes...


Adorei a doçura desta salada de amor...

Mariana disse...

Que delícia encontrada no poema.
Lindo e cheio de amor e doçura.
Beijos

Everson Russo disse...

Nossa menina, seu comentario me deixou vermelho..rs..rs...fico muito agradecido por ter sua amizade, por ter te encontrado nesse blog mundo, obrigado de coração pela alegria diaria que me traz, tenha certeza que é força pra continuar sempre, um beijo no seu coração e um lindo dia pra ti na paz de Deus...

José disse...

Olá Amiga Eliane,
Obrigada pela sua compreenção, eu pondurei muito se devia publicar ou não o poema,visto que os meus seguidores e comentadores são em maioria Brasileiros,E pelos quais eu tenho uma grande estima, e muitos são meus amigos e você está incluida, e tudo o que eu menos quero é magoar os meus amigos.
Aquile que eu escrevi é só dirigido
à Maitê.O povo Brasileiro é meu irmão é meu amigo.
Eliane se ver o vidio e ver que eu não tenho razão no que disse,faça um comentário mesmo que seja contra aquile que eu escrevi.

um beijinho grande,José

Majoli disse...

Passando pra deixar beijos amiga.

Linda quinta, apesar desse tempo chato de chuva.

Tute Braga disse...

Muito booooa essa mistura de sabores e sensações!!!
Adoreeei o texto!!!! E o blog!
=)

Beijosss

Débora Camargos disse...

Seu poema nos faz acordar para as coisas boas da vida. Amor, frutas, mais amor, mais frutas. Travessuras e Gostosuras.
Obrigada por esse presente.