Seguidores

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Fora da Caverna Mora a Realidade


Corro,
Socorro!
Olha o morro!

Grito,
Apito,
Olha o mito!

Cinderela,
Panela...
Corre dela!

Sai do mimo,
Chapeuzinho!
Olha o Lobo!

Na quadrilha,
Olha cobra!
É mentira!

Não pira!
Sorria...
Respira!

A realidade,
É a sua cidade,
Olha a claridade!

Luz nessa dor!
Olha lá uma flor!
Perfume o amor!

O amor é seu,
Não é do Romeu,
Esqueceu?

Olha o enfoque!
Não é um reboque!
O que tem no estoque?

Resposta rasteira:
Você se respeita?
Se aceita?

Se assim é feliz...
E é tudo que quis,
Você sabe o que diz!

Eu é que poetei,
E nem pensei,
Que nada sei.

A bola se chuta,
A bala se chupa.
Se lambuza!

Vá pra rua!
Olha a chuva!
Sai da gruta!

Elaine Barnes(tem filminho do Davi http://nosolhosdacoruja.blogspot.com/2010/06/namorinhoavi.html)

Postagem nova no BlogGirls com Maria Bonfá. Não percam!
Meu profundo agradecimento para Clecilene Carvalho do blog Falas da Alma por todo carinho a mim ofertado. Conheçam!

70 comentários:

Majoli disse...

Olha que eu corro, grito socorro e subo ou desço o morro...rsrs

Resposta rasteira:
Você se respeita?...Muito
Se aceita?...Um cadinho


Amo esse seu jeito menina, parece que está brincando de roda...rs

Linda postagem de nossa girl Maria Bonfá, e a homenagem que a Clecilene te fez, ah que coisa maravilhosa, VOCÊ MERECE!!!

Beijos cheios de carinho e saudades minha amiga querida.

Wanderley Elian Lima disse...

Sair da gruta é necessário para viver a vida em toda sua plenitude.
Muitos beijos

Sonhadora disse...

Minha querida
Mais um belo poema, gosto da maneira como alinha as palavras.

Beijinhos
Sonhadora

Livinha disse...

Repentes maravilhosos, em perfeita sicronicidade.
Criatividade 10!
Além das história em quadrinho rebuscada na memória, associativas aos tempos de agora, ontem dentro da gruta, o hoje fora dela...

Elaine eu simplesmente adoro essa tua essência mágica

Bjs

Livinha

Meri Pellens disse...

Ah! Adorei! Sair da gruta ou toca, tá valendo rs... É isso, a vida está do lado de fora.
Beijos na alma!

Marilu disse...

Querida Elaine, você faz poesias que nos remetem a infância, mas com o conteúdo de mulher. Acho lindo como você transforma tudo em verso e rima.. Adorei...Beijocas

Rosemildo Sales Furtado disse...

Menina saia da gruta,
Depressa e sem demora.
Mostra que és astuta,
E viva a vida aqui fora.

Adorei! Beleza!

Já estive visitando a Clecilene e vi a bela homenagem que ela te prestou.

Beijos e ótimo São João.

Furtado.

Eliana Pessoa disse...

SAIR DA GRUTA AS VEZES Ñ É FACIL TEMOS QUE TER ALGUÉM QUE NOS PUXE PARA FORA!!!
ADOREI O TEXTO LINDO!
BEIJO

Maria disse...

ELAINE....

EU POR AQUI GRITO,
E FICO DE PERNAS PARA O AR.

:))Beijossssssssssssssssssss

PS:
AMEI AS NOVAS FOTOS DO DAVID
LINDAS.......
O DAVID ESTÁ CADA VEZ MAIS LINDO.
BEIJOCAS GORGAS A ESTE AMOROSO BÉBÉ

Maria disse...

ELAINE

ESQUECI E AINDA VOLTEI, PORQUE NÃO CONSIGO ENVIAR MAIL PARA VOCÊ VEM SEMPRE DEVOLVIDO.


:))BEIJOSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS

SAULO PRADO disse...

"Para que realidade se é dentro da poesia que se esconde a verdade...."

Como sempre bailando com as palavras minha doce amiga...

Chica disse...

Grande inspiração!Sempre assi,!beijos,lindo dia,tudo de bom,chica

José disse...

E essa bola que rola
rola rola sem parar
a bola que se chuta
e numa frenética luta
ela não quer entrar.

Por amor à camisola
foi no tempo passado
hoje só se joga à bola
muito bem lambuzado

bom fim de semana,
Beijinho,
José.

Everson Russo disse...

Super lindo e interessante como voce brinca com as palavras e fica perfeito,,,bem encaixadinho,,,,temos que ter cuidado com os perigos de fora da caverna,,,onde a realidade quer nos chutar....beijos e carinhos num bom final de semana pra ti...e claro,,,bom jogo,,,tudo verde e amarelo pra ti.

Sandra Botelho disse...

E eu sei bem como é isso...mas estou saindo da gruta. Ou do casulo...
E ainda bem que tenho uma mãozinha forte lá fora da gruta que sempre me apóia.
Amo demais viu?
Delicioso seu poema.
Bjos achocolatados

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Elaine,

Essa brincadeira de palavras é fantástica e você faz isso como ninguém.

Beijo imenso, menina linda.

Rebeca

-

Pati Araújo disse...

Oi Elaine,

Que ritmo delicioso, adorei!
E essas fotos novas do Davi, cada vez melhor. Êta menino lindo!!
Ele com a Luna está um sonho... uma fofura!

Beijos e ótimo fim de semana :]

Mari disse...

Elaine querida...

Que coisa gostosa de ler...cadencuada! Adorei!
Bom final de semana!
Beijão

Bloggirls disse...

oi amiga.. lindo seu poetar.. é vc todinha..menina arteira..moleka sapeka.. amo vc.. beijão cheinho de carinho.. saudade..Maria Bonfá

Graça Pereira disse...

Minha Querida
Parece uma lenga-lenga de roda...e as palavras brincam, saltam e pulam...
Parabens por este poema tão difrente e bonito!
beijocas
Graça

Pétala_Rosadinha disse...

Rsrs...a senhora é uma muleca!
Uma fonte inesgotável de belos poemas.

É como se sua alma estivesse sempre fora da gruta...isso é lindo!

Beijos.

Cuide bem de si, corujinha.

Luma Rosa disse...

Elaine, adorei a reação de positivismo que seu poema provoca! Uma carga de ânimo espetacular! Parabéns!! Bom fim de semana! Beijus,

ஐ¸.*Lady *.¸ஐ disse...

Olá flor!
Amo seu modo de brincar e encantar com as palavras.
Sua luz brilha a cada dia!
Gosto de montão de ti.
Tenha um delicioso fim de semana.
Com carinho, Lady.
Bjão

Marilu disse...

Querida Elaine, tenha um lindo final de semana...Beijocas

Baba Yaga disse...

Demais, demais, Elaine... Adorei seu poema... parece que estamos numa brincadeira que ficamos parados atentos olhando para os lados e a qualquer momento surge o alerta que devemos reagir... uma delícia.
Baba Yaga

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Que legal, Elaine. Uma dança de palavras. Você é fera. E o Davi, está lindo,hein? Também com esse monte de coruja em cima. Deus o guarde. Bejos

Everson Russo disse...

Montão de beijo pra ti num lindo sabado.

Pérola disse...

Já fui lá visitar a obra de nossa amiga maravilhosa.
Sinto muita falta dela,me parece q tá todo mundo sumido rs.
Um beijo imenso.
Estou momentando outro blog para guardar os meus presentes e os links,o meu outro blog estava muito pesado e nem me permitia colocar mais alguma coisa e para eu colocar teria q deletar outras.As pessoas já estavam reclamando das dificuldades de entrar nem todos tem uma conexão legal.Ainda está em construção.
Beijokas.

Juliana Lira disse...

Foi pra mim?

Ah porque eu senti como se o carteiro das almas amigas tivesse batido:

'Ô de casa! Ô de casa!
Venho entregar pessoalmente
Amizade que só quem sente
É quem tem abertas as asas...'

E eu queria que soubesse
minhas asas estão sempre abertas
para você.

Quem entende os mistérios dívinos?
Há amigos que só estão junto porque estão dentro do nosso peito.
Assim é vc!

E mesmo não sendo para mim
ainda assim, por tudo que já me disse e o tanto que me ajudou
É compreensivel que o carteiro
tenha querido entregar aqui.rsrsrs

Milhões de beijos

Anita "Menina Flor" disse...

"Cinderela,
Panela...
Corre dela!"

Eu sou uma cinderela que corro, mas é pra panela kkkk. Maravilhoso seu poema, me fez sorrir, obrigada.

Eu adoro a conversinha de Davi, fico encantada, me derreto só de ver.

Beijos amiga querida.

claudete disse...

Simplesmente Hai Cai, amei perfeita sincronização de idéias e soluções . Jeito maneiro de ser e viver a vida.Ler o que você escreve deixa a gente leve . Abraços e bom Domingo para você.

Maria José disse...

Que original, amiga. Amei o post. Beijos e ótimo fds.

Sandra Botelho disse...

AH...sENTI VONTADE E VIM DEIXAR UM BJO DE CARINHO PRA ESSA AMIGA TÃO ESPECIAL.
BJOS

ONG ALERTA disse...

Viva aqui é de verdade, paz.
Beijo Lisette

Kimbanda disse...

Elaine|
Essa poesia livre e saindo
assim com essa naturalidade
que me pareceu ouvi-la declamada por ti, como quem fala.
Bricando com as palavras e os sons, ficou com muito colorido e está encantador nos levando nessa leveza até ao fim, como quem espera por mais.

Valeu! Um gosto enorme visitar-te.

Um óptimo fim de semana.
Kandandos meus.

Amor feito Poesia disse...

Carrego flores no meu olhar
E um bosque encantado a ser decantado...
Pelas trilhas iluminadas da minha alma

D.Flor

Beijos e flores no seu Domingo M@ria

Zé Carlos disse...

Elaine querida, menina do sorriso lindo!!! vim te dar um beijo cheinho de saudades.....

Lindo domingo para ti.... ZC

Clecilene Carvalho disse...

Brincando e ensinando,
Fala da realidade,
é preciso sair da gruta,
e enfrentar a luta, labuta...
Enxergar a luz da realidade,
Mostrar ao mundo que há verdade,
Sorrir e aceitar quem somos,
Sair pra rua e deixar-se molhar na chuva.

ADOREI!!!!!!!

Menina! O Davi é uma dádiva, pura belezura. LINDOOOOOO DEMAIS, Deus abençõe.

Minha borboletinha manda bebejucos para o Davi, ela disse:"MMÃE ele é muito fofinho né!

Socorro disse...

Corre, socorro... o que está acontecendo?
Fiquei em silêncio, mas eu vou sair da gruta, me aguarde!

Beijos e o embarque?

Everson Russo disse...

Um lindo domingo e uma linda semana pra ti minha amiga,,,todo carinho do mundo pro seu coração,,,beijos na alma,,,

Sergio disse...

A 1ª impressão - não a que fica – achei-me diante de uma ‘quadrilha’ junina um tanto feminista. Tanto que cheguei a imaginar uma fogueira alimentada de sutiãs! rs...

Depois, não sei se era só impressão, mas vi nos versos um claro recado declarado e uma amizade tão bonita de se ver, que me comoveu por demais.

No todo, um texto oportunamente junino, fluido, ágil e sinuoso como o serpentear de um ofídio.

Blog do Mensageiro disse...

Socorro, hehe... Assista a "contatos do 4o. grau", sempre que vejo essa corujinha branca me lembro do filme... Bjos e boa semana!

legalmente loira... disse...

oi elaine,
você é tudo de bom.
eu vivo fora da gruta ou toca
e vivo fora da realidade rsrsr
mas a vida esta ai para ver vivida.
lindo texto!
ja fui ver tudo e adorei as homenagens é merecedora.
lindo domingo com um belo sol
e bjos.

RosanAzul disse...

Olá Elaine!
Como vai minha amiga corujinha?!
Saudade de você...
Cheguei aqui e está tudo ainda mais belo... Parabéns pela "cara nova" do teu blog. Ficou mesmo muito lindo! Teus escritos como sempre muito bem inspirados!
Te desejo uma boa semana!
Beijo no coração!
RO

Manuel disse...

Louco...louco...louco.
Corro, grito qual Cinderela para ler estes mimos que aqui nos deixa.

Juliana Lira disse...

Nem comentei que achei a mudança do blog linda...

Agora comentei!rsrs

milhões de beijos

Solange Maia disse...

adorei a leveza, a criatividade, a meninice....

beijo carinhoso

Amor feito Poesia disse...

Eu deixo aroma até nos meus espinhos,
ao longe, o vento vai falando de mim.

Cecília Meireles

Amor & Paz & Poesias na sua semana!
Beijos na alma.....M@ria

Sueli disse...

Oi, amiga, seja lá o que eu for encontrar do lado de fora, dentro da toca é que eu não vou ficar...rs. (A não ser... que eu tenha um montão de amigos lá para ficar comigo).Beijão recheado de saudade!

Valéria Sorohan disse...

Teu poema descreve com maturidade a criança que trazemos dentro de nós, entre brincadeiras de esconde-esconde, entre vontades, desejos e necessidades... A pureza, o anseio... a compreensão.

BeijooO*

Ianê Mello disse...

LIndo querido. O amor por um filho é o bem mais precioso que se pode ter. Parabéns!

Sei que ando sumida. Problemas de saúde. Vc tem Face Book? Inscerva-se, vc vai gostar.
Grande beijo.

Marilu disse...

Olá querida Elaine, esse seu Davi está um galã..muito fofo..nesse namolinho ele tá lindo.Tenha uma linda semana...Beijocas

Juliana Lira disse...

Já nem tenho palavras pra agradecer a pessoa maravilhosa e especial que vc é pra mim.

Seus conselhos são sempre bárbaros, mas eu tô melhor viu? Os poemas vão saindo assim como um grito que escapa, às vezes tem mais do mundo que de mim. rsrs

E as vezes...Tem mais de mim do que do mundo.

Ps:
Não te adicionei no msn porque não tenho teu msn rsrsrs

Ps2:
O Davi tá lindo demais hehehehe

Milhões de beijos

Denise Portes disse...

Muito lindo!
Beijo
denise

Livinha disse...

Elaine,
Tua postagem aparece renovada na minha comunidade blogs que sigo e chego aqui a postagem não aparece pra mim.
Tentei ontem várias vezes e nada
consegui.
Não sei o que acontece...
Mas estou passando minha querida pra deixar-te um enorme beijo e dizer
que adoro tuas corujas, elas são simplesmente lindas....


Bjs

Livinha

Livinha disse...

Não tem jeito minha amiga. Já te tirei de lá e recoloquei e nada. Fala da nova postagem mas aqui na tua página não mostra.
Isto só está acontecendo com o seu, outros não.
Mas deixa estar, a proxima que vc postar haverá de sair. Se não, eu grito! rsrss

Bjs

M@ria disse...

"Que o sussurrar do vento te leve um beijo carinhoso e eterno e me deixe em seus pensamentos para que a distância não apague em ti minha existência."

(Autor desconhecido)


Beijos & Flores........M@ria

Hod disse...

Elaine,
Estou serioS PROBLEM naS contfigurações do teclado.
Catando aS LETRAs. Copi ando e colando palavras.
Voltfo + tfarde

ABraçoS, BeijoS

A. Reiffer disse...

Bastante expressivo e criativo o poema, parabéns!

Daniel Costa disse...

Elaine

Um bom poema, que se volta a ler procurando o seu ritmo. Enfim pouco faltou para perder a respiração... uff.
Beijos

UM LUGAR PARA REFLETIR disse...

Simplesmente embasbacada!!!!!! Belíssima poesia! Saudade Elaine! Você é muito mais do que pensa que é!

Lilazdavioleta disse...

Elaine ,
quando aqui chego , já sei que vou reler o que escreve .
É que emprega um ritmo ...

Lindo , como sempre.

Posso dizer uma coisinha ?
Na nossa caverninha , por vezes há uma certa realidade que não é má de todo .

Se a Elaine não tivesse uma caverna tão especial , como escreveria estas belezas ?

Beijo grande ,
Maria

Bandys disse...

Um poetar brincanmdo que encanta.
Vi os videos do Davi, esta show.
Beijos

Nathália (Ná) disse...

Elaine, estava na correria sem tempo pra postar e para comentar nos blogs, graças a Deus já está tudo em ordem e vim aqui matar as saudades.

Adorei o poema, você nos faz viajar com eles...sabia?

Bjs!

Luciana Klopper disse...

Caraca! Parece que esse poema de rimas fáceis, fala mais do q suas palavras, senti mto ao ler !
Ameiiiii a idéia do niver do blog!
Obrigada por tudo!
Adoro vc!

Bordados e Retalhos disse...

Tantos comentários por aqui é sinal que este blog está bombando como dizem os jovens antenados.É preciso mesmo sair da gruta e enfrentar o sol e a chuva em busca da felicidade. Bjs amiga e obrigada pelo carinho de sempre.

Mariana Rosa disse...

Olá!
Estou te convidando para conhecer meu blog cheio de novidades e um pouco do meu trabalho também!
Beijos!

Mariana Rosa

Manuela Freitas disse...

Olá querida Elaine,
Esta cantoria, é um brincar com a musicalidade das palavras, vou tentar seguir o ritmo, porque o que eu preciso é disso!...
Beijinhos,
Manú

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Minha flor!

vc conseguiu de modo rápido, brejeiro e delicioso, elencar quase todos os mitos da nossa vida. Adorei, adorei, muito bem escrito.

Outro dia ia falar e nem deu tempo, mas gostei muito do novo visual...

Pérola disse...

Oi amada.
Eu ñ sei q bananosa é essa q tu fez mas ficou simplesmente maravilhoso.
Uma quadrilha diferente e divertida,faz jus ao mês q estamos vivendo rs.
Beijokas.