Seguidores

domingo, 21 de março de 2010

Tem uma corda? Então acorda!


Corda que estica,
Corda que enrola,
Corda que amarra,
Corda que esfola.

De laço,
De nó,
Que Desfia,
Que Prende,
Que Solta!

Uma fina linha,
Um barbante largo,
Corda de trança,
Cipó, Cizal...
Corda de Aço!

A corda da paixão estica.
Dá um laço no amor que ele fica!
Se for só desejo a corda desfia.
Se for de violão, vira canção,
Toca o resto da vida.

Se tesão é linha de pipa,
Empina o voar...É de arrebentar!

Ciúmes é cipó pendurado.
Posse, na corda nó de enforcar!
Tem corda que não sai do lugar,
Amarrada numa âncora,
Vai se arrastando no fundo do mar...
Comodismo, corda sem esperança.

Corda da insegurança,
Corda bamba.
Cizal dá aspereza, pinica.
Trança, da corda à princesa...
Acorda! O barbante vai desamarrar!
Corda pra pular fora...
Pula pra dentro! Beleza!

Amor é corda de aço,
Sustenta. Pula, mas não arrebenta.


Elaine Barnes (olhando para a corda de pular e pensando na de aço)
fotos site olhares

58 comentários:

Maria Bonfá disse...

oi querida.. que incrivel.. amei.. que lindo ficou pensar em uma corda e sair essa maravilha.. criatividade não lhe falta..parabens..sou sua fã.. saudade querida..beijão

vivaliila disse...

Oi, Linda...
Amei seu blog...sua criatividade...muito lindo!!!
Obrigada por postar comentarios tão carinhosos no meu blog
Bjs

Sonhadora disse...

Minha querida Elaine
Que maravilha de poema, muito lindo mesmo, adorei.

Beijinhos com carinho
Sonhadora

Lady disse...

Amor é corda de aço.
Sustenta, pula, mas não arrebenta.
Amei!!!!
Tem uma corda? Então Acorda!!!
Tenha uma semana recheada de coisas boas.
Você é uma blogueira especial!
Bj

Clecilene Carvalho disse...

Estou fascinada e acordo para vida com vontade de pular se preciso for. Você tem o dom...
Amo ler-te e digo à todos, que conheço, para o fazerem. Alguns dão retorno e dizem que valeu a dica.
Fico cheia de saudades daqui.
Beijos e digo sem vergonha nenhuma: gosto demais de você.

Wanderley Elian Lima disse...

A corda pode estar
presente,
nos bons ou
nos maus momentos,
pode resolver
um problema
ou pode virar
um poema.

Beijos

Juliana Lira disse...

Maravilhosa amiga

Adorei esse aí.

Reconnheci nele os fios da corda (o novelo) de Teseu.
Vc consegue nos guiar através de um labirinto ricamente construido e ao final nos sentimos como que salvos...

Milhões de beijos

Chica disse...

Tua inspiração é algo impressionante e acho que devias te preparar pra escrever um livro!beijos,lindo fim de domingo,chica

Chica disse...

Voltei pra dizer que o Davi está uma coisinhalinda e a cada dia mais!!!beijos

HSLO disse...

Gostei da parte do ciumes...

abraços


Hugo

Manuel disse...

Conseguiu que me deixasse emaranhar nessa nessa corda que me amarrou a essa tão linda poesia.
Obrigado por estes, tão, belos momentos.

Manuela Freitas disse...

OLÁ QUERIDA ELAINE,
ESTIVE UM TEMPO AFASTADA POR DOENÇA FAMILIAR, MAS JÁ ESTÁ TUDO BEM.
GOSTEI DO POEMA SOBRE A CORDA E SUAS DERIVAÇÕES, TU POETIZAS SOBRE QUALQUER COISA...
CORDAS AMARRAM...MAS QUE O SEU APERTO NÃO MAGOE OS PULSOS!...
BEIJINHOS,
MANÚ

GM disse...

Elaine, minha amiga. Tive uns probleminhas com meu Blog e estou voltando nesse novo. Estou convidando os meus amigos a me seguir.

Abs

José disse...

Acorda então acorda
em qualquer lugar
porque o raio da corda
quer se é amarrar

A que pula fora
a qualquer hora
da noite ou do dia
num simples abraço
fica como o aço
e quer é folia

boa semana,
um montão de abraços
e mais um beijinho
José.

Fatima disse...

Tanta criatividade é até abuso viu!Rsrsrsrsr
Bjs.

Lidia Ferreira disse...

lindo poema amiga, tão simples e ao mesmo tempo tão complexo quanto pular corada rs
bjs

Rose Dayanne disse...

O sonho é a corda que sustenta a nossa vida... E a fé nos da a força.. Lindas palavras!!!

janiperes disse...

minha amiga vc tem se superado !!!! que gde sacada, nossa adorei, mt mt legal!!!!!isso mesmo vai ganhando corda e desenrola pra valer, parabéns show

Silvana - Interior Adentro disse...

Oi Elaine!

Mas vc é mesmo craque garota! E as cordas? Nossa, as cordas me lembram os violinos, que me remetem às sinfonias de inverno que sem eles nada seriam, que me remetem aos filmes de Hitchcok nas cenas mais contundentes...

Violino e cello são meus instrumentos prediletos...


Mudando de assunto: putz, vc mora perto de onde ocorreu o caso Nardoni? Nossa, mas que tragédia, não?

É certeza que esse casal matou a menina, e com meios muito cruéis. E o que é pior: são pessoas de gde instrução, não estavam bêbadas nem drogadas. Fizeram em sã consciência...

Bom, se o inferno existir eles já tem reserva garantida por lá...

Beijooo

Bordados e Retalhos disse...

Elaine, obrigada pela visitinha. Já cheguei aqui e me instalei. Adorei tudo. Inclusive aquelas fotos do bebezinho lindo que estão ali do lado. Bjs

Rosemildo Sales Furtado disse...

É, parece que a senhora inspiração resolveu investir em cheio aí por essas bandas. Adorei a criatividade. Belo poema. Parabéns!

Beijos e ótima semana pra ti e para os teus.

Furtado.

Meri Pellens disse...

A corda
Acorda
Me acorda... (MP)

kk... Dá tanto pra fazer com a corda..
Querida, boa semaninha!
Bjo grande!

GM disse...

Elaine

Você precisa voltar a me seguir nesse novo, perdi tudo do anterior.
A vida passa, tudo adormece, mas vamos lá driblando os problemas..r.s.rs..

Everson Russo disse...

Menina, quanta corda, jamais eu pensaria com tamanha grandeza em tantas utilidades,,,fico na simplicidade da de violão,,,e aquela em que vivemos com ela no pescoço dia a dia...rs..rs...beijos de carinho pra ti em uma linda semana.

emília disse...

Elaine amiga, li o seu comentário no Blog sobre a "boneca Emília".Concordo em número, gênero e causa, mas qualquer semelhança é mera conincidência.Sou uma pessoa bem centrada, pés no chão e nunca quis manipular ninguém.Por ser tão equilibrada é que preferi deixar o meu querido menino luz.Foi melhor...um dia a gente chega,no outro vai embora.Sei que vc escreveu sem querer atingir a minha pessoa, apenas falando da boneca do sítio, mas como sou muito transparente,não me senti bem, quando li o seu comentário.
Obrigada querida e tenha uma linda semana.
Emília

Maria Bonfá disse...

obrigada por seu carinho e suas palavras.. vc é um doce.. saudade. de vc.. linda segunda para ti.. cheinha do amor de Deus..e boas vendas..beijão

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Muito legal,Elaine. Brincou de novo sabiamente com as palavras. Bom "aCORDAr" lendo isso na segunda-feira. Parabéns. beijos

Ná! disse...

Menina, que criatividade, que mente fascinante, pensar em uma coisa tão simples como uma corda e fazer um poema lindo assim. Mas como diz meu poeta querido, O Menino Beija-Flor, tudo é poesia. Basta olhar atentamente.

Luciana Klopper disse...

Elaine que incrivel, como vc consegue? q dom maravilhoso!

Silvana - Interior Adentro disse...

Oi Elaine!

Começou o julgamento e estou aqui roendo as unhas, na torcida pela condenação máxima destas bestas humanas!

Como vc disse, que o casal Nardoni apodreça na cadeia!!!

Boa semana pra vc!

Beijooo grandeee!

Daniel Costa disse...

Maria de Bonfá

Como a poesia pode ser bonita por cordas, é como dar nós de marinheiro. Realmente, sento este arte, o poema é comparável, é deveras muito interessante.
Beijos
Daniel

Daniel Costa disse...

Maria de Bonfá

Como a poesia pode ser bonita por cordas, é como dar nós de marinheiro. Realmente, sento este arte, o poema é comparável, é deveras muito interessante.
Beijos
Daniel

Anne Lieri disse...

Elaine,genial sua poesia!Tenho uma que fala de corda tb,mas num sentido diferente.Vc extrapolou,mostrando seu grande talento!Amei!Bjs,

Cadinho RoCo disse...

Na corda de pular salta pés e pernas que fogem do mais cruel enroscar.
Cadinho RoCo

mdany disse...

Olá!!!

Precisa-se de um amigo que diga que vale a pena viver, Não porque a vida é bela, Mas porque já se tem um amigo.
Precisa-se de um amigo Para se parar de chorar. Para não se viver Debruçado no passado Em busca de memórias perdidas. Que nos bata nos ombros Sorrindo ou chorando, Mas que nos chame de amigo,
Para ter-se a consciência De que ainda se vive!

Quero te convidar para conecer meu blog, serás bem vinda!!!

Du disse...

Adorei o poema, as imagens combinando e o bebê muito lindo na sua página, parabéns!!!

Beijos

Majoli disse...

Mas que poetiza mais linda que eu tenho como amiga.

Sua criatividade vai muito além do que a gente possa sequer imaginar, é só mesmo vindo aqui pra poder se certificar.

LINDO, LINDO.

Ah, cada vez mais adoro te ler, sou sua fã e nº1, ok?

Beijos,abraços e carinhos.

Beijokas no Davi.

Pétala_Rosadinha disse...

Que delícia isso!
Que imaginação tem essa mulher!
Tem livro pra quando???

Beijoooooooo, montão deles!

Lilazdavioleta disse...

Olá Elaine ,

tem o condão de utilizar as palavras com uma mestria incrivel .

Como sempre , gosto muito .

Beijo grande ,

Maria

Everson Russo disse...

Um beijo carinhoso pra ti menina e um lindo dia.

Maria Bonfá disse...

passando para e desejar um dia maravilho, cheinho de paz e do amor de Deus (com muitas vendas ) saudade..beijão

Silenciosamente ouvindo... disse...

Elaine, óptima ideia essa da corda!!! E ficou óptimo.
Com quantas cordas já nos ataram...
e delas conseguimos sair...
A Elaine é um génio a aproveitar
as ideias e a fazer as palavras
circularem à volta da ideia.
Então a Lídia disse alguma coisa
sobre o meu email?
Beijos e que tal saltar à corda?
Irene

Livinha disse...

Elaine, que delícia mergulhar no teu lirismo, tão viajante, de inspiração sublime...
Hoje eu tô de um jeito tipo assim... algo sensível no peito, que não defino direito, entregue as ondas ondulantes, como rede que balança numa ternura sem fim, algo mesmo tipo assim...

Viajei...

Linda tarde pra ti
amiga mia
Livinha

Cacá disse...

Quanta criatividade vinda da imaginação inventiva! Ficou tudo muito lindo! Abraços. Paz e bem.

Graça Pereira disse...

Interessante este poema sobre a corda...que nos pode salvar quando estamos a cair num precipício...que nos pode ammarrar ao egoismo...que nos dá segurança quando atracamos a um porto seguro...
Lindo mesmo este poema. Parabens!
Beijo e boa semana
Graça

Maria Bonfá disse...

esta bem...vc falou..eu não escutei..sou cabeça dura.. adoro vc amiga.. muito mesmo..beijão

SAULO PRADO disse...

Fiquei todo enrolado na corda do seu talento...

Beijos minha doce amiga!

ALİ EKBER ÇELİK disse...

maravilha
Blog
parabéns

Deni Maciel disse...

bm primeira passagem por intermédio d outro blog aqui no seu blog
gostei mto
se permitires
virei mais vezes encher o saco **
e por enquanto é isso;;;hihihi.
abraço
boa terça
e Feliz dia do bumbum de fruta.
sim....
é de um gay q eu estou falando..
kkkkkkk

droga*essa foi horrível*

Pérola disse...

Nossa amiga quandos significados para uma a corda rs.
Gostei demais rsrsrsr.
Ainda ñ fui te visitar no blog q tu ganho mas eu vou ok.
beijokas.

Chá das Cinco disse...

Como não deixar comentários?
Dê um grande beijo nesse bebezinho feliz!
Olhando para ele eu senti uma saudade danada de dar colo...
Um grande abraço
Gemária Sampaio

Majoli disse...

Vim trazer uma intimação:
Estás convocda a ler "Eu,você e a praça"...está lá no Rabiscos...rsrsrs.

Eita amiga mais pidona essa.
É que sua opinião é importante por demais da conta sô...rsrs.

Amiga, saudadessssssssssssss
Amo você.

Acho que em abril devo ir em São Paulo.pra te conhecer,tomara que dê certo dessa vez.

Beijos e abraços.
Beijinhos no Davi.

Anita "Menina Flor" disse...

E lá vem eu dando corda pra tão inteligente poesia. Como se diz aqui no nordeste, ficou arretado de bom. Bjkas

Sandra Botelho disse...

Me enrola nessa corda?
Me enforca, mas de abraços,
Me laça com seu carinho.
Faz da corda da vida nosso cantinho?

Amiga...
Eu adimiro você e sou suspeita pra falar porque amo essa coruja linda e que escreve com maestria.
Bjos doces nesse coração açucarado

ines disse...

QUE LINDO...

MUITO CRIATIVO, MARAVILHOSO.

VOCE TEM O ¨DOM¨ DE TRANSFORMAR COISA SIMPLES, COMO A CORDA, EM UM POEMA INCRIVEL.

PARABENS AMIGA

Maria Flor! disse...

A.D.O.R.E.I.!!!!

Tem uma acorda? Então acorda,
pega na ponta da corda e vamos
pular corda?

Beijos.......

Bandys disse...

Elaine.

Briquei muito de pular corda.

Hoje me lemvro de Ana Maria Braga

tipo:

"corda meninaaaaaaaaaaa"

Montide beijos pra Davi.

Manel disse...

Bela corda, dá para tudo: atar, saltar, enforcar. Bela poesia!